Deusa das Trevas, da Escuridão e do Subterrâneo

Shalistir é a Senhora da Noite e das Trevas, Dama da Escuridão, cultuada por aqueles que trilham o caminho sombrio da maldade e inveja. Cultuada por goblinóides e outros seres do subterrâneo.

História

Deusa cuja as origens vem do Cicloismo Darnório. Durante o 1º e 2º Período ela foi unificada ao Triadismo e ao Panteão Kelante, formando o Primeiro Panteão Ilagreno (chamado de Vyrkhandul).

Shalistir é a deusa maligna da escuridão, das trevas, do subterrâneo, mas, ela nem sempre foi assim. Ela foi criada por Frallimar, o Deus do Tempo, e tinha a missão de levar Talzûn para outras partes de Arzien, enquanto sua irmã, Mylanian, descansava. Ela era uma deusa boa, protegendo os habitantes da escuridão e do medo, como uma espécie de deusa-guardião da noite.

As lendas contam que Shalistir foi corrompida por Recvill, inclusive perdendo parte de seu poder para ele. O Deus da Corrupção mostrava a beleza do dia e dos seres da superfície, como sua irmã, Mylanian, era adorada e amada pelos homens. Enquanto ela, a deusa da noite, tinha que ficar obscurecida pelo brilho da sua irmã.

Aos poucos Shalistir foi tornando mesquinha e invejosa, e ao invés de levar a luz para outras partes, ela levava-a para longe. Isso fez com que certas partes do mundo não tivessem luz, e portanto, não tivessem vida.

Quando descobriram de sua maldade, as Três Irmãs tiraram o poder de Shalistir e a trancaram no submundo. Mylanian teve que trabalhar em seu lugar e para isso ganhou uma carruagem flamejante e 4 cavalos. No subterrâneo, Shalistir aumentou ainda mais o seu rancor pelos seres da superfície. Ela passou a ser adorada por criaturas malignas e outros servos que almejam destruir a luz e a bondade.

Dogmas

Os shalistitas acreditam que a purificação não está na luz. A escuridão veio antes da luz e é nela que a verdadeira face do mortal é posta a prova. Diante do medo e do pavor que as trevas trazem, seus seguidores se tornam mais fortes, aumentando sua capacidade de influência e aprimorando seu espírito.

Panteão: Cicloismo e depois Vyrkhandûl (Primeiro Panteão Ilagreno)

Tendência: Neutro e Mal

Domínios: Escuridão, Enganação e Mal

Arma Predileta:

Típicos adoradores: ladrões, goblinóides, povos do subterrâneo e do Plano das Sombras

A luz cega, ofusca, intimida. Nas trevas, todos são iguais.

  • Provérbio shalistita

Shalistir Shalistir

Shalistir
5 (100%) 1 vote

pinit_fg_en_rect_red_28 Shalistir

Leia Também: