Orbe dos Dragões

Cenários, Aventuras e Sistemas de RPG

Arzien, Aventuras em Arzien

O Tesouro Misterioso, 2ª Parte: O Bracelete Escarlate

O Bracelete Escarlate.

Liam continua sua jornada na busca por um tesouro misterioso em uma caverna no Arvoreados Elymius. O feiticeiro não sabia, mas as conseqüências de sua busca marcarão para sempre sua vida.

Aventura Anterior:  “O Tesouro Misterioso, 1ª Parte: O Enigma do Poder Adormecido”

Grupo: Grupo 1

PdJsLiam Lianon, Imsh 

PdMs– Ariganaka, Erlos e Grispand Irventhol

Local – Caverna Zurmgut, Arvoredos Elymius, norte do Ducado de Erzyl, Reino de Dulamar, Ilagren

Descrição – Liam continua sua jornada em busca de um tesouro misterioso. Suas investigações o levam ate a Caverna Zurmgut, nos Arvoredos Elymius, ao norte do Ducado de Erzyl. Logo no inicio dos Arvoredos, Liam e seus companheiros conhecem Beltrac, um druida dos Arvoreados. Ele alerta os aventureiros que havia uma caixa na caverna e que havia um gigante das colinas que fazia o primeiro nível da caverna (uma grande gruta) como um lar. 

Liam e seus amigos encontram o gigante adormecido profundamente. O grupo evita a perigosa criatura e explora a caverna, enfrentando alguns desafios. Em dado momento, o grupo  chega a uma câmara, onde encontram uma caixa de ferro bem ornamentada. Movidos pela ambição, os aventureiros resolvem investigar. Quem abre a caixa é o guerreiro Erlos, que encontra dentro uma bijuteria muito bonita.

Um bracelete todo vermelho, parecendo uma manopla aberta preso em todo o ante-braço direito, desde o cotovelo até a mão. Na parte das costas da mão do bracelete, presa ao mesmo, havia uma pedra escarlate lisa em forma de semi-esfera com listras brancas-prateadas em forma de estrela. Também havia uma segunda pedra, de tonalidade azulada em forma de prisma, mais abaixo dessa vermelha, presa ao ante-braço.

O guerreiro Erlos fica tão fascinado pela bijuteria que a coloca na mão direita sem pestanejar.

A pequena pedra azulada que adornava o bracelete se quebra, dando origem a um brilho mágico e tremeluzente, que envolve o guerreiro.  Gradativamente o brilho aumenta de intensidade, ate tomar conta de todo o seu corpo. Liam e seus companheiros são ofuscados enquanto que Erlos emite um grito estridente e seco. Era tarde demais. O belo item se mostra uma peça amaldiçoada, que guardava uma terrível magia para aquele que colocasse o item.

Liam então presencia uma transformação magica ocorrer.

Um homem alto, com cabelos longos lisos e prateados. Esse humano era muito exótico para os padrões normais. Na lateral esquerda do seu rosto uma mancha azulada parecendo uma tatuagem chama a atenção. O seu olho esquerdo é amarelado com uma fenda vermelha reptiliana. Alem disso,  possuía várias tatuagens no peitoral descoberto. Vestia uma calça de couro bem trabalhado e calçava bota de metal com joelheiras e também portava uma capa esverdeada.

Em meio a toda essa transcendência, ele diz:

“Enfim, estou de volta. Agora ninguém mais poderá impedir Ezdrath Shellscape!”

E depois, desaparece emitindo um brilho prata-azuluado. Todos fogem da Caverna Zurmgut assustados e retornam para um povoado nas imediações dos Arvoredos Elymius.

Conclusão – Liam foge da caverna e volta para na Vila Darinek. Mas, o gigante adormecido da caverna aparece e ataca os aldeões. A criatura é morta pelo misterioso feiticeiro que Liam e seus amigos haviam libertado. Ele se apresenta a Liam como Ezdrath Shellscape. Ele agradece  por ter encontrado o Bracelete Escarlate e o ter libertado de seu sono secular. Antes de desaparecer,  diz que no futuro seus caminhos iriam se cruzar novamente. Isso era inevitável.

Fato importante – Liam encontra-se pela primeira vez com o feiticeiro Ezdrath Shellscape, um poderoso feiticeiro zenduziano do passado que havia aprisionado sua alma no Bracelete Escarlate, item fundamental para o retorno de Fandlosth. Liam inicia uma serie de aventuras para descobrir quem é Shellscape e quais são seus objetivos. Essa aventura marcou para sempre a jornada de Liam.

Aventura Posterior: “Gradelskun, As Cavernas do Medo”

df7b6-bracelete_escarlate O Tesouro Misterioso, 2ª Parte: O Bracelete Escarlate

065a5-ruby O Tesouro Misterioso, 2ª Parte: O Bracelete Escarlate

O Joia Escarlate – pedra presa ao Bracelete Escarlate.

28dba-ezdrath2bshellscape O Tesouro Misterioso, 2ª Parte: O Bracelete Escarlate

Ezdrath Shellscape.


O Tesouro Misterioso, 2ª Parte: O Bracelete Escarlate
Avalie o conteúdo

pinit_fg_en_rect_red_28 O Tesouro Misterioso, 2ª Parte: O Bracelete Escarlate

Leia Também:

3 Comments

  1. Dúvida: “Liam encontra-se pela primeira vez com o feiticeiro Ezdrath Shellscape, um poderoso feiticeiro zenduziano do passado que havia aprisionado sua alma no Bracelete Escarlate, item fundamental para o retorno de Fandlosth”. O que ou quem seria “Fandlosth”.

  2. Excelente pergunta. Inclusive, esperava que você perguntasse…rsrs.

    Fandlosth, Rastro de Cinzas, foi uma entidade extra-planar que caminhou pelas terras de Arzien propagando destruição e caos por onde passava.

    Seu objetivo primordial era Derrubar a Corte Arcana de Invoreth, o Reino dos Magos.

    Foi combatido por um grupo de heróis conhecidos como O Quarteto Imbatível de Thanzarack. Advinha só: Vhendara, a suma-sacerdotisa de Elzerg, era membra desse grupo.

    Vhendara foi quem fundou tempos depois o templo de Elzerg na Montanha Azul.

    Fandlosth era descrito como um poderoso golem feito de uma rocha mágica impenetrável. Ele era extremamente inteligente, possuia habilidades mágicas, era imensamente resistente a diversos elementos e magias.

    Sua pele era impenetrável. Só pôde ser destruido pela espada Runneblade, possuída por Gravellar, líder dos Imbatíveis de Thanzarack.

    As histórias e contos desses heróis e seus feitos são guardadas e lembradas na Montanha Azul.

  3. Hum… Muito interessante isso!!! Você poderia me enviar isso no e-mail em resposta ao histórico de Rastaban Beriol? Grato. rss

Leave a Reply

Theme by Anders Norén