CLERICATO:

1.INTRODUÇÃO:

Em razão de suas diversas particularidades a vantagem Clericato será objeto de análise em seção própria, dedicada a descrever os sacerdotes dos deuses que integram o panteão de cada cenário de campanha.

O seu custo final já inclui o custo dos poderes divinos concedidos ao clérigo, extraídos das seções “Vantagens e Desvantagens Raciais” e “Novas Vantagens e Desvantagens” do Capítulo I, devidamente ajustado pela Limitação Pacto.

Sempre que for relevante saber o NH do personagem em determinado poder ou habilidade concedido pela vantagem Clericato, considere que ele é igual a IQ+IP, salvo previsão expressa em sentido contrário.

Por fim, vale lembrar que em regra não é possível comprar duas vantagens Clericatos diferentes. Os deuses são ciumentos e não aceitam servos cuja fé esteja dividida. Entretanto, o Mestre pode abrir exceções à esta proibição, como no caso de um clérigo de um deus bondoso que também é paladino ou de um druida que cultua uma divindade da natureza. Neste caso, o IP do personagem é somado ao aprendizado de TODAS as suas magias divinas, independentemente de quantas vantagens Clericato ele possuir, ou seja, não é necessário adquirir IP em separado para cada um delas! Cabe ao Mestre decidir, também, como se dará a relação entre os poderes concedidos por cada deus ao clérigo. No item “Introdução” da seção “Vantagens e Desvantagens Raciais” do Capítulo I existem diversas orientações que facilitarão essa tarefa.

2. MODELOS DE CLERICATO GENÉRICOS:

Os modelos de Clericato descritos abaixo são bastante genéricos, justamente para permitir a sua utilização em qualquer cenário de campanha. Eles correspondem aos arquétipos mais comuns dos conjuradores de magia divina.

Algoz (40 pontos)

Fonte de Inspiração: D&D 3.5 – Livro do Mestre, fls. 176-178

Os Algozes são indivíduos malignos que se associaram à entidades demoníacas com a finalidade de obter o poder necessário à consecução dos seus planos sinistros. Embora não estejam vinculados à nenhuma divindade ou religião específica, eles contam com a proteção dos Poderes das Trevas pois servem como arautos da morte, da destruição, da corrupção e da tirania.

Código de Conduta:

Código de Honra do Algoz (-15 Pontos).

Voto de Difusão da Ordem Universal (-15 Pontos).

Valor da Limitação Pacto: -30%.

Poderes Garantidos:

Aura de Desespero x 2 (14 Pontos).

Controlar Mortos Vivos (4 Pontos)*.

Destruir o Bem x 1 (3 Pontos)*.

Detectar o Bem (7 Pontos).

Imunidade à Venenos (11 Pontos).

Serviçal Demoníaco (6 Pontos)**.

* Uso Limitado – 1 Uso Diário (-50%).

** Criatura cujo template racial custa 0 Pontos.

Escolas de Magia: Controle do Corpo, Controle da Mente, Necromancia e Proteção e Advertência (25 pontos).

Clérigo dos Deuses (25 pontos)

Fonte de Inspiração: AD&D 2.0 – Livro do Jogador, fls. 48-51 e D&D 3.5 – Livro do Jogador, fls. 30-33

Estes sacerdotes decidiram não servir nenhum deus específico, pois acreditam que os mortais precisam honrar e respeitar todas as divindades igualmente, mesmo as mais cruéis e/ou obscuras. Afinal de contas, cada uma delas desempenha um papel relevante na manutenção do equilíbrio cósmico.

Código de Conduta:

Voto de Jamais Utilizar Armas Cortantes e Perfurantes (-10 Pontos).

Valor da Limitação Pacto: -10%.

Poderes Garantidos:

Expulsar ou Fascinar Mortos Vivos (10 Pontos)*.

* Uso Limitado – 2 Usos Diários (-40%).

Escolas de Magia: Cura ou Necromancia, Controle do Corpo ou Controle da Mente, Luz e Trevas e Proteção e Advertência (25 pontos).

Druida (78 pontos)

Fonte de Inspiração: AD&D 2.0 – Livro do Jogador, fls. 51-54 e D&D 3.5 – Livro do Jogador, fls. 33-37

Os druidas reverenciam a Natureza e têm por objetivo tornarem-se unos com ela. Ao longo dessa busca transcendental, repleta de enigmas e desafios, eles aprendem a se conectar com as forças naturais que fluem através de todos os seres vivos, de onde extraem o seu poder divino.

Código de Conduta:

Voto de Jamais Utilizar Armaduras de Metal (-5 Pontos).

Voto de Preservação do Ciclo Natural (-15 Pontos).

Valor da Limitação Pacto: -20%.

Poderes Garantidos:

Adaptação ao Terreno (12 Pontos)*.

Companheiro Animal (12 Pontos)**.

Passos Sem Pegadas (4 Pontos).

Transmorfo (20 Pontos)***.

* O Druida se adapta automaticamente à qualquer tipo de terreno natural (+200%).

** Criatura cujo template racial custa 0 Pontos.

*** Uso Limitado – 2 Usos Diários (-40%) e Apenas Formas de Animais (-20%). O template racial da forma assumida deve custar no máximo 0 Pontos.

Escolas de Magia: Água, Animal, Ar, Controle do Corpo, Clima, Cura, Fogo, Planta e Terra (50 pontos).

Paladino (47 pontos)

Fonte de Inspiração: D&D 3.5 – Livro do Jogador, fls. 51-55

Os Paladinos são indivíduos leais e altruístas que se dedicam a defender a lei, socorrer os desvalidos e proteger os mais fracos das forças malignas que assolam o cenário de campanha. Embora não estejam vinculados à nenhuma divindade ou religião específica, eles contam com o auxílio das Potências Benevolentes do universo em sua jornada, de onde extraem o poder divino necessário à consecução dos seus objetivos.

Código de Conduta:

Código de Honra dos Paladinos (-15 Pontos).

Voto de Honestidade (-15 Pontos).

Valor da Limitação Pacto: -30%.

Poderes Garantidos:

Aura de Coragem x 2 (14 Pontos).

Destruir o Mal x 1 (3 Pontos)*.

Detectar o Mal (7 Pontos).

Expulsar Mortos Vivos (4 Pontos)*.

Imunidade à Doenças (7 Pontos).

Imunidade ao Medo (11 Pontos).

Montaria Especial (11 Pontos)***.

* Uso Limitado – 1 Uso Diário (-50%).

** Criatura cujo template racial custa 0 Pontos.

Escolas de Magia: Controle do Corpo, Cura e Proteção e Advertência (20 pontos).

Ranger (26 pontos)

Fonte de Inspiração: D&D 3.5 – Livro do Jogador, fls. 55-58

Os Rangers são caçadores, guerreiros e rastreadores que utilizam seus talentos para proteger as terras selvagens da profanação perpetrada pelas raças ditas “civilizadas” e por entidades antinaturais. Por viverem em harmonia com a terra eles acabaram aprendendo a se conectar diretamente com a Natureza, de onde extraem o seu poder divino.

Código de Conduta:

Voto de Preservação do Ciclo Natural (-15 Pontos)

Valor da Limitação Pacto: -15%.

Poderes Garantidos:

Adaptação ao Terreno (13 Pontos)*.

Companheiro Animal (13 Pontos)**.

* O Ranger se adapta automaticamente à qualquer tipo de terreno natural (+200%).

** Criatura cujo template racial custa 0 Pontos.

Escolas de Magia: Animal e Planta (15 pontos).

GURPS True High Fantasy – Capítulo III – Clericato
Avalie o conteúdo

pinit_fg_en_rect_red_28 GURPS True High Fantasy - Capítulo III - Clericato

Leia Também: