Orbe dos Dragões

Cenários, Aventuras e Sistemas de RPG

Aventuras em Crivon, Crivon

Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha – Wenishy enfrenta o Elo da Destruição

Para ver o capítulo anterior, clique aqui.

Para ver estórias relacionadas, clique abaixo:

Caçada Insana em Vila da Pratinha – Inusitada descoberta, clique aqui.

Joshua-Wenishy-fabulous_pally_machine_by_thedurrrrian-d7daccb-600x338 Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha - Wenishy enfrenta o Elo da Destruição

Sir. Joshua Wenishay Poderkaine.

Joshua Wenishy Poderkaine, paladino da Ordem de Tyr, estava ofegante da corrida que empreendeu, após ouvir o grito, indo até o mirante. Ao chegar aos pés da escada, foi recepcionado por uma voz masculina, forte e grave, que em tom de ironia lhe disse:

– Quanta honra! Pois diante de nós está o paladino Sir Joshua Wenishy Poderkaine, vindo diretamente de Lothian para pôr a ordem ao caos perpetrado pelo corrupto prefeito Rufus! Que é quem vos fala neste instante!

Como pôde perceber, as notícias sobre minha morte foram deveras exageradas.

d6683-prefeito2brufus2bbander Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha - Wenishy enfrenta o Elo da Destruição

Rufus Baden falou com ironia com o paladino.

Wenishy percebeu que as mãos do prefeito estavam ensanguentadas, enquanto o corpo de uma mulher jazia morto no interior do círculo com os símbolos ritualísticos.

O paladino percebeu que tentado ser furtiva e recuando para as sombras, a esposa do prefeito, Adrel, se encaminhava sorrateiramente com uma varinha numa das mãos, como se estivesse se posicionando defensivamente para utilizá-la – num posicionamento similar ao de uma pessoa empunhando um florete.

Adrel-a-bruxa-de-prata-spectacular-woman-worrior-fantasy-wallpaperr-600x450 Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha - Wenishy enfrenta o Elo da Destruição

Adrel Baden, esposa de Rufus.

Ao mesmo tempo hobgoblins avançaram lentamente em direção ao paladino, que não se intimidou com a falácia do corrupto ou dos números contra ele.

Para Joshua, a justiça precisava ser feita. Mas, por um breve instante, ele pensou em Tyla e o que poderia lhe ter sucedido, todavia confiava nas habilidades e capacidades de Rufagard o suficiente para entender que ela conseguiria resolver seus contratempos e quiçá ajuda-lo naquele novo confronto que ali se desdobraria.

Voltando-se para Rufus e Adrel, o cavaleiro sagrado iniciou um diálogo com o ex-prefeito.

Cada lado abordou suas motivações, mas pareceu ao paladino que Bander ainda escondia muita coisa, pois apesar de estar claro que o homem ansiava por desestruturar o Protetorado a qualquer custo, a ida dele até aquele local fazia parte de algum plano nefasto e pérfido que ainda estava encoberto pelas mentiras e dissimulação do corrupto agente e isso deixou o paladino desconfiado.

Joshua recriminou Rufus e disse o quanto estava errando no ato que cometeu. Ademais, declarou que o erro dele não estava só prejudicando o Protetorado de Ecnor, mas também sua própria filha (Lore Bander), além todos aqueles que confiarem nele para administrá-los.

O paladino determinou que eles se entregassem para o devido julgamento, caso contrário as consequências seriam ainda mais severas contra os conspiradores e traidores de Ecnor.

No entanto, Rufus, lhe pareceu confiante e estranhamente contente com a presença do paladino ali, como se tivesse planejado ou soubesse o resultado daquele encontro.

O ex-prefeito havia tramado algo, e pareceu a Poderkaine, que isso lhe envolvia de alguma forma, mas Rufus quebrou o breve silêncio e ao final disse:

– Devo confessar que meu plano saiu melhor do que imaginei.

Havia previsto que apenas você viria até o meu encalço na companhia de alguns soldados, mas percebi que sua arrogância e confiança foram maiores e ao invés de vir com uma escolta, trouxe consigo sua companheira paladina também. – Ele elevou o tom de voz e disse com um meio sorriso – Tanto melhor, pois oferendarei ambos em meu ritual e assim eliminarei os cavaleiros sagrados de uma vez por todas!

Com isso, ninguém poderá se opor a nossos propósitos grandiosos para Toran!

Preparando-se para o confronto que viria, o paladino sacou sua vingadora sagrada e começou a se aproximar da escadaria, para iniciar uma investida, quando o sombrio Rufus, enquanto sacava uma varinha de marfim, lhe disse em tom ameaçador:

– É um tolo se acha que minha escolta se limitaria a esses dois goblinóides, tenho algo mais digno para sua contenção e morte.

Ao terminar de dizer essas palavras, Adrel apontou numa direção e utilizou sua varinha, que emanou um fino raio esbranquiçado que aparentemente atingiu uma área vazia próxima a escada onde o paladino estava.

O ar e a realizada pareceram fissurar e se despedaçaram, revelando silhuetas que tomaram a forma de um grande e robusto minotauro acompanhado por mais dois hobgoblins.

Minotaur-600x432 Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha - Wenishy enfrenta o Elo da Destruição

Perigosos minotauros surgiram para atacar o paladino.

Após o efeito magico, Rufus disse em voz alta:

– Wenishy, em breve você fará parte do meu poderoso ritual e enfrentará o Elo da Destruição e o flagelo que irei infringir em todos cavaleiros sagrados!

Você e Rufgard sucumbirão, junto com todos os outros! – Olhou para as criaturas ao redor dele e ordenou para elas – Podem bater nele a vontade! Mas quero que o prendam, não o matem!

Precisarei dele vivo!

Em outro ponto dali Drigos e Kraver voaram no lombo de Vento Cortante de Lothian até Vila Pratinha, onde acabavam de chegar e contemplaram, do céu noturno, as cercanias da pequena cidade.

A medida em que se aproximavam para pousar, Drigos viu um cavalo alado se distanciando ao longe numa direção.

Ygron-600x492 Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha - Wenishy enfrenta o Elo da Destruição

Drigos viu Ygron no horizonte e se animou.

O paladino comentou com Merlin, ambos deduziram que a criatura alada deveria se tratar de Ygron e perceberam que aquela montaria poderia ser a única pista que os levaria até Wenishy. Dirgos falou para seu aliado alado:

– Está vendo ali?! Aquele é Ygron, cavalo que sempre rivalizou contigo em poder e velocidade, mas sempre soube que você era o mais veloz! Sei que exigi muito de você, nessa marcha forçada até aqui, porém lhe pedirei esse último esforço!

Voe com todo o seu poder até Ygron e juntos encontraremos Wenishy e mais uma vez você provará que é o mais veloz, mesmo cansado! – Elevando a voz, Drigos continuou – Vá Vento Cortante e, em nome de Tyr, mostre toda a sua velocidade e graça!

Sua montaria, que estava descendo para a vila, ao ver Ygron, arremeteu para o alto e como uma flecha muito rápida vou em linha reta com todo o esplendor e potência que pode impingir.

winged_horse Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha - Wenishy enfrenta o Elo da Destruição

Vento Cortante vou com toda a velocidade que pode impingir.

Mesmo cansado, Vento Cortante conseguiu chegar até uma área de vegetação e no limiar de suas forças, começou a perder altitude, perdeu Ygron de vista, não antes de seus transportados conseguirem discernir que a montaria de Wenishy havia se dirigido para uma colina, onde havia um arruinado mirante e uma iluminação aparente.

A montaria sagrada de Drigos caiu com eles em meio a mata. O paladino e o arcano, apesar de pequenas escoriações, estavam bem, todavia Vento Cortante parecia abalado e ferido em uma de suas asas.

Drigos se aproximou de sua montaria, que arfava e bufava muito pelo cansaço da marcha extenuante, lhe afagou a cabeça e curando um pouco de seu ferimento, disse:

– Obrigado Vento! Como disse, sua força supera a de qualquer animal! Agora descanse amigo!

Assim, Drigos despachou seu aliado sagrado para o plano celestial, onde deveria aguardar até um novo chamado do paladino.

Assim, Drigos e Merlin subiram rapidamente rumo ao mirante da colina, na esperança de se unirem a Wenishy antes que o pior ocorresse.

Para ver a continuação, clique aqui.

Criação e elaboração: Patrick, Bruno Gonçalves, Bruno Santos, Diogo Borges.
Fontes de imagens: internet
Autoria da imagem da capa do artigo: Shin

Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha – Wenishy enfrenta o Elo da Destruição
5 (100%) 2 votes

pinit_fg_en_rect_red_28 Aventura CaLuCe: Caçada Insana em Vila da Pratinha - Wenishy enfrenta o Elo da Destruição

Leia Também:

1 Comment

  1. Enquanto Mark ainda tentava compreender as forças corruptoras que estavam surgindo nos arredores de Flograthi e Vilaverde, Wenishay tentava impedir o andamento de um ritual insano que envolvia o Elo da Destruição.

    O que estava em jogo?

    A existência de todos os Paladinos de Toran!

    Wenishay mesmo portando a Vingadora Sagrada não seria capaz para enfrentar tantos inimigos ao mesmo tempo.

    Por isso, não muito longe dali, Kraver e Drigos se aproximavam cavalgando o pégaso Vento Cortante.

    Agora tudo faz sentido para Merlin, que deixou sua terra natal em uma missão grandiosa.

    Certamente o mago havia tomado a decisão mais racional e correta.

Leave a Reply

Theme by Anders Norén