Habidus-Morus3-343x600 Heróis de Crivon: Habidus

Habidus Morus D’Ilks

Jogador: Shin Okajima

Habidus Morus D’Ilcks foi um torkano, herói, inicialmente um inconstante e temerário clérigo da guerra que em determinado momento de sua vida viu-se convertido num ferrenho clérigo da deusa da natureza, transformando-se num defensor da causa do bem, a sua maneira.

Habidus nasceu em meio a uma tempestade de areia no Grande Lago de Sal – Torkânia, numa caravana de beduínos que constantemente mercavam produtos entre o Califado de Rull-Ka-Radin e o Reino de Karac Varn, sendo o mais novo dos três filhos de Hassin e Suelen.

deserto-600x405 Heróis de Crivon: Habidus

Trecho do Grande Lago de Sal – Torkânia.

Verões mais tarde em uma de suas viagens a caravana conseguiu vencer os desafios do deserto que já estavam acostumados, porém não foi páreo para um grupo de foras da lei. Tentando defender seu filho caçula, Suelen M. D’Ilcks fugiu da caravana enquanto ela era dizimada pelos bandidos.

Dias andando a ermo no deserto, ela e seu filho foram encontrados por uma outra comitiva de mercadores da qual havia um clérigo do deus da guerra. As tentativas de mate-la viva forma muitas, mas sua vontade de viver havia se perdido e ela estava longe do alcance de qualquer medicina mortal.

Com seu último pedido ela se dirigiu ao clérigo, pedindo que cuidasse de seu filho, pedido que lhe foi concedido e dirigiu suas últimas palavras de amor e afeto para o infante Habidus, lhe pediu para que fosse bom.

O clérigo o levou a um orfanato que era um ponto de triagem para a sua ordem, conhecida como os Cavaleiros Templários das Lâminas Andarilhas, onde os mais fortes eram selecionados para se tornarem servidores daquela divindade. Habidus despontou entre os demais, pois era detentor de grande astúcia e desde cedo exercia um certo controle entre as outras crianças e jovens, coordenando alguns deles em suas ações para conseguir algo.

Foi levado a fazer os testes para a vocação clerical, onde passou com louvor. Contudo, apesar de ser capaz de fazer qualquer coisa para conseguir obter os resultados que queria, era reticente ao se tratar de remover a vida de seus adversários, algo que foi visto como uma fraqueza entre seus pares.

Habidus-clerigo-da-guerra-531x600 Heróis de Crivon: Habidus

Habidus como clérigo da guerra. Esboço de Shin.

O acólito cresceu e saiu pelo mundo para adquirir experiência, poder e disseminar a palavra do senhor da guerra entre os povos de Toran.

Em sua jornada encontrou-se com os aventureiros Glorin Lâmina Flamejante, Andrei Kabrusk, Roxane Amastacia e Pietro com quem formou um grupo, passando por muitas aventuras.

Dentre suas aventuras, a que mais lhe marcou foi quando unido aos seus companheiros de aventuras, viu-se as voltas numa trama que envolveu o sumo-sacerdote de sua ordem clerical, conhecido como o Mestre Arsenal e o Cavaleiro Elemental do Fogo Dex’Burn, ambos almejavam roubar a divindade de Elorian e tornarem-se deuses.

Mestre-Arsenal-330x600 Heróis de Crivon: Habidus

Mestre Arsenal.

Seus planos foram frustrados graça a intervenção dos aventureiros, que contaram com a ajuda do rastreador, meio-elfo, Pictro Elosdragão que posteriormente se tornou o Cavaleiro Elemental da Terra.

Fascinado com a divinal presença de Elorian, Habidus foi ao delírio e converteu-se num poderoso clérigo dessa divindade, deixando de ser inconstante para ser uma pessoa honrada, principalmente quando a deusa lhe disse que ele era uma alma boa.

elorian-1-352x600 Heróis de Crivon: Habidus

Foi convertido pela própria Deusa Elorian da Natueza.

Todavia, adquiriu a antipatia dos servidores de sua antiga religião, que o marcaram como um traidor da fé o desafiando periodicamente, quando cientes de sua presença e histórico.

Posteriormente, após ser acometido por reiterados sonhos com sua deusa e um jovem guerreira portadora de uma espada de luz, que lhe alertaram sobre uma grande sombra maligna que planejava destruir Crivon.

Ele partiu numa jornada para confrontar o revivido Lassic Cetro Rubi, durante a qual após derrotar uma caravana de monstros humanoides, libertou a criatura conhecida como Nei II, uma pequena e esguia jovem com poderes combativos impressionantes, que se uniu a ele na esperança de ajudá-lo em sua causa inicialmente em gratidão ao seu ato de bondade, mas que adquiriu sua estima e amor pela grande devoção que ela lhe demonstrou.

Nei-Tempestade-2-400x600 Heróis de Crivon: Habidus

Nei II, que posteriormente viria a ser conhecida como Nei Tempestade, ou simplesmente Nei, foi salva por Habidus e se tornou sua fiel companheira de jornadas.

Em sua jornada por Toran para combater as malignas forças de Lassic, se uniu ao seu antigo grupo e a outros heróis refundando a Ordem dos Cavaleiros da Luz Celestial, com quem viveu muitas aventuras.

Relacionamento com membros do grupo:

Calmo e reservado, tinha boas relações com todos os membros de seu grupo, porém os membros com quem mais simpatizava eram aqueles que formaram com ele seu primeiro grupo de aventuras (Glorin, Andrei, Roxane e Pietro – a quem chamava de Pinpin) e com seu grande amigo, o ex-agente, Rolf Arkaine, pessoa que recrutou, apesar da inicial descrença e resistência do mesmo, mas que além de ser convencido a se unir a falange de aventureiros, posteriormente tornou-se o primeiro líder de sua ordem.

Mestres em armas:
Cavaleiros Templários das Lâminas Andarilhas – deus da guerra;

Mestres de fé:

  1. Cavaleiros Templários das Lâminas Andarilhas – deus da guerra;
  2. Deusa Elorian, Senhora da Natureza.

Principais inimigos:

  1. O revivido Lassic Cetro Rubi;
  2. O tiefling meio batezu Goldash Goth;
  3. O ninja tiefling Haroti Hanzo;
  4. O Dragão Verde Vermillion;
  5. O elfo das sombras Max’ert Mantruss;
  6. O Arquimago Zargon Barba Branca;
  7. O Lorde Bruxo Chrom’Anthur;
  8. O Mestre Arsenal;
  9. Cultista da Guerra.

Romances:

Fervoroso amante da natureza, empregou seu amor para combater aqueles que tentam destruí-la de forma indiscriminada. Contudo, encontrou em sua parceira, a pura e inocente Nei II (posteriormente conhecida como Nei Tempestade), o amor de sua vida a quem defenderia com a própria vida.

Equipamentos mais relevantes:

  1. Martelo do Trovão – poderoso martelo conseguido após vencer o Mestre Arsenal com a ajuda de seus amigos;
  2. Símbolo Sagrado de Elorian – dado pela própria deusa ao clérigo que havia se convertido possui propriedades especiais.
crivon-artelo-do-trovao Heróis de Crivon: Habidus

Martelo do Trovão

Principais feitos: 

  1. Membro fundador dos novos Cavaleiros da Luz Celestial;
  2. Participou ativamente na derrota do revivido Lassic e na nova contenção do Obscuro;
  3. Participou da derrota do poderoso dragão verde Vermillion;
  4. Participou da derrota do poderoso Rei Orc de Brigstone, Grummish II o Imortal;
  5. Ajudou a salvar do julgo do Cavaleiro Elemental do Fogo e do Mestre Arsenal, o avatar da deusa Elorian;
  6. Ajudou o meio elfo Pictro Elosdragão a se tornar o Cavaleiro Elemental da Terra;
  7. Impediu os planos do arquimago Zargon Barba Branca que tentou dominar o Reino de Ários.

Paradeiro – diz a lenda que após seu último feito na companhia dos Cavaleiros da Luz Celestial e desaparecimento do antigo líder, assumiu um nobre posto de liderança e governo na Cidade Mort, em conjunto com outro clérigo herói.

Teve duas filhas com Nei, uma menina que tempos mais tarde tornou-se uma druidisa, Suelen Ente Negro e uma guerreira conhecida como Saana T. M. D’Ilks.

Era de existência: VI
Terra Natal: Grande Lago de Sal
Etnia: torkana
Gênero: masculino
Idade: 37
Descendentes: 2 filhas

Criação e elaboração: Shin e Patrick Nascimento
Fonte de imagens para Habidus: desenhos de autoria e fornecidos por Shin
Demais fonte de imagens: internet

Heróis de Crivon: Habidus
5 (100%) 1 vote

pinit_fg_en_rect_red_28 Heróis de Crivon: Habidus

Leia Também: